Sem Palavras


Sem Palavras flagra os deslocamentos e travessias que ocorrem durante um dia ao redor de um apartamento.

No espetáculo, oito pessoas de diferentes corpos, imagens sociais, referências e histórias de vida são a base para reflexões sobre a palavra e ausência.

A criação do espetáculo evidencia um tempo em que as palavras não dão mais conta, quando elas são insuficientes para refletir os acontecimentos em sua velocidade desmedida, quando reivindicam sua dimensão política e poética, quando querem reverberar não como lugar de poder, mas como corpo íntegro e permeável na sociedade, quando querem ativar a escuta e conviver com outras palavras, com outros corpos.

"Fica evidente que a história do Brasil é criada também pelas palavras que não foram ditas ou que não são escutadas. A língua é um lugar que se habita, a linguagem é um território de existência. Entender um Brasil como um país formado por muitas histórias que não foram contadas mostra como reivindicar a palavra é algo urgente", diz o diretor Marcio Abreu.

Para ele, um dos maiores desafios impostos pela peça foi contextualizá-la neste lugar em que as cenas faladas e as sem palavras tivessem impacto e uma pesquisa dramatúrgica ampla. "Fazer essa separação de texto e dramaturgia foi muito importante no nosso processo. Trata-se de uma escolha ética, estética e política", completa.

Texto e direção: Marcio Abreu. Dramaturgia: Marcio Abreu e Nadja Naira. Com Fábio Osório Monteiro, Giovana Soar, Kauê Persona, Kenia Dias, Key Sawao, Rafael Bacelar, Viní Ventania Xtravaganza e Vitória Jovem Xtravaganza.

Direção de produção e administração: José Maria e Cássia Damasceno. Iluminação e assistência de direção: Nadja Naira. Direção musical e trilha sonora original: Felipe Storino. Direção de movimento: Kenia Dias. Cenografia: Marcelo Alvarenga - Play Arquitetura. Figurinos: Luiz Cláudio Silva - Apartamento 03. Produção no RJ: Miriam Juvino e Valéria Luna. Vídeos - instalação "Antes de Tudo": Batman Zavareze. Captação e edição dos vídeos - instalação "Antes de tudo": João Oliveira. Fotos: Nana Moraes. Programação visual: Pablito Kucarz. Captação de imagens do espetáculo: Clara Cavour. Teaser - criação e edição: Aristeu Araújo. Colaboração artística: Cássia Damasceno, Grace Passô, José Maria e Rodrigo Bolzan. Técnico de palco e vídeo: Ricardo Barbosa e Michelle Bezerra. Técnico de som: Chico Santarosa e Luan Casado. Assistência de produção: Luiz Renato Ferreira. Distribuição internacional: Plan B – Creative Agency for Performing Arts. Assessoria de imprensa: Márcia Marques - Canal Aberto. Produção: Companhia Brasileira de Teatro. Coprodução: Künstlerhaus Mousonturm Frankfurt am Main/GE, Théâtre Dijon Bourgogne – Centre Dramatique National/FR, A Gente Se Fala Produções Artísticas – Rio de Janeiro, Passages Transfestival Metz/FR. Apoio cultural: Oi e Centro Cultural Oi Futuro. Realização: Sesc São Paulo. Classificação: 18 anos. 110 minutos.

  Evento em 23/01/2022Sesc Pompeia
   R$ 40 (meia-entrada, R$ 20).
   20/01 a 20/02
       Quinta, sexta e sábado - 21h
       Domingo - 18h
Parceiros:Lisbon Gay Circuit Porto Gay Circuit
© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.