Roteiro de Restaurantes

Com mais de 12 mil restaurantes, São Paulo é uma cidade onde se come bem e tem uma imensa variedades de locais, para todos os bolsos e com mais de 50 tipos de cozinha.

Apesar de boa parte dos locais (em especial nos bairros centrais e nobres) serem bastante gay friendly, alguns restaurantes tornaram-se, por motivos diversos, os favoritos pelo público GLS.

A lista inclui bistrôs - um deles 24 horas -, pizzaria, além de especialidades mineira, contemporânea, grega e italiana, e também os que optam por cardápios internacionais. Você tem fome de quê?

Paris 6
Bistrô francês que nunca fecha atrai endinheirados, classe artística e muitos gays.
R. Haddock Lobo, 1.240, Jardins.
Segunda a domingo, 24 horas.
Spot
Há duas décadas permanece como um dos melhores lugares para ver e ser visto na cidade.
Alameda Ministro Rocha Azevedo, 72, Bela Vista.
Almoço: segunda a sexta, 12h às 15h; sábado, domingo e feriado, 12h às 17h. Jantar: segunda a sábado, 19h30 à 1h; domingo, 19h30 à 0h.
La Tartine
Não há pratos fixos no menu desse bistrô, com exceção das quiches, como a lorraine (R$ 29), que valem a pena.
Rua Fernando de Albuquerque, 267, Consolação.
Segunda a sábado, 19h30 à 0h30.
Mestiço
O sotaque tailandês dá o tom dessa casa que agrada a gays finos e casais héteros.
Rua Fernando de Albuquerque, 277, Consolação.
Segunda e domingo, 11h45 à 0h; terça a quinta, 11h45 à 1h; sexta e sábado, 11h45 às 2h.
Zeffiro
Belo casarão no meio do agito gay atrai grupos de amigos gays e também casais de namorados.
Rua Frei Caneca, 669, Consolação.
Segunda a quinta, domingo e feriado, 19h às 23h; sexta e sábado, 19h à 0h.
O Gato que Ri
Pratos clássicos da cozinha internacional servidos em ambiente tradicional e no meio da ferveção do Arouche.
Lgo. do Arouche, 37/41, República.
Domingo a quinta, 11h à 0h; sexta e sábado, 11h à 1h.
© Todos direitos reservados à Guiya Editora. Vedada a reprodução e/ou publicação parcial ou integral do conteúdo de qualquer área do site sem autorização.